sejamos

q desencadeia um grande momento?

há os grandes momentos premeditados e os grandes momentos imprevistos. bom pensar no surfe dos acontecimentos desencadeadores de um grande momento imprevisto.

eu sempre fui um apaixonado por jam session musical. abrir-se para uma jam é confiar nos deuses que moram no correr dos fatos bons. mergulhar na surpresa, como diz o maurício pereira. quando há jam, o mergulho é junto. não há jam sem abraço. wagner e eu sempre conversamos, desconfiados, sobre isso: a (im)possibilidade de se estar juntos. caetano: o certo é fazendo música.

eu sempre gosto de reconstituir a história de um grande momento. é quase possível identificar um príncipio de ordem dirigindo tudo, regendo todas as conjunções, apesar do aparente desapego dos fatos a qualquer vontade direcionadora. é preciso saber ler as histórias que se desenham - e fazer uma jam com o destino

todo começo é involuntário
deus é o agente


então eu abro a janela transtemporal do youtube pra gente espionar a jam session que rolou por ocasião de uma oficina que o porcas borboletas e o vane pimentel realizaram dentro da conexão vivo 2009 (achou a frase grande? a próxima é bem pequena).

vejamos

Um comentário:

Diego de Moraes disse...

isso é uma filosofia da história