a fofoca é anti-estética

a fofoca é um meio através do qual trafegam (traficam) algumas informações, sejam elas, por assim dizer, verdadeiras ou falsas. o q distingue uma fofoca de um outro comunicado qualquer é a intenção do emissor da mensagem (o fofoqueiro), o impacto dessa mensagem na vida pessoal do receptor (o ouvinte sensibilizado), e o fato de uma fofoca sempre se referir a um terceiro (o fofocado). o que já de antemão coloca em dúvida a boa-intenção do fofoqueiro é justamente a ênfase que este dá à sua boa intenção. ai amiga, é doloroso demais pra mim te dizer isso, mas amizade o que é, um tipo de cuidado né. alegando bons intuitos, o fofoqueiro sai pior ainda na foto. nunca convence. mas nessa altura do campeonato o ouvinte já está por demais sensibilizado, unhas na boca, essas outras coisas já não têm mais importância - o impacto da fofoca ofusca a má atriz que é a fofoqueira. nunca é demais esquecer a verdade daquela frase: a coisa mais insuportável para uma pessoa é o sucesso de seu melhor amigo. procede? procede. claro, pouca gente sabe que sente isso. ninguém sabe nada. uma boa dar uma lida em memórias do subterrâneo, do dostoiévski, ver se cria coragem de se olhar verdadeiramente. nada de leituras por enquanto, o fofoqueiro não lê. diz que lê, acha que lê, mas lê bosta nenhuma, porque pra ler não precisa tanto de ter olhos, precisa mais de coração. como se quererá demonstrar, a fofoca é anti-estética. para isso, retomar o ponto onde paramos, que insuportável o sucesso do melhor amigo. essa sacada conduz necessariamente à idéia de que muito poderia - inconscientemente - interessar a desgraça do melhor amigo. fofocar é... se comprazer com a desgraça alheia. quem vai negar? sendo essa a intenção do fofoqueiro, ela se contrapõe diametralmente à intenção do emissor da mensagem artística. não que o artista seja um bem-intencionado, a estética pode prescindir da ética, mas, por mais bem-elaborada, mais espirituosa, mais eficaz que seja uma fofoca, sempre lhe faltará um tchan, um pirlimpimpim, que lhe garanta um sabor de coisa elevada. a frase fofoqueira é uma carne de segunda, pelanca mal-passada em churrasco com nova schin. a oposição entre fofoca e arte também se comprova pelo quanto uma vida intensa, rica, consigo-bastante, pode levar uma pessoa ao desinteresse pela vida alheia, pelo que não lhe diga respeito. um cara que se curta, se ache gostoso, cheio de coisa pra ler, pra ver, ouvir, fazer; um cara cheio de bons amigos, de bons momentos, vai perder tempo fazendo circular informação dolorosa? vai forjar informação (qualquer informação é sempre forjada. a linguagem é um artifício, e nunca será exata) e exercê-la à boca pequena? vai não. a fofoca é anti-estética também porque o fofoqueiro é sempre um fraco, um cara que na falta da novela das 8 faz da vida dos outros um páginas da vida.
vem fácil na lembrança uma enxurrada de artistas que se posicionaram contra a fofoca. só na musca popular brasileira ó:
. o arnaldo antunes cantou eu não acho mais graça nenhuma nesse ruído constante q fazem as pessoas falando cochichando ou reclamando... quem quiser papo comigo tem que calar a boca enqto eu fecho o bico, e estamos conversados.
. o itamar assumpção cantou a musca do geraldo filme: vai cuidar da sua vida/ diz o dito popular/ quem cuida da vida alheia/ da sua não pode cuidar
. o caetano cantou aquela do jorge ben: quem cochicha o rabo espicha. cantou tb aquela: todo mundo quer saber com quem você se deita/ nada pode prosperar
. o karnak: ngm quer te ver feliz/ todo mundo quer q vc quebre o nariz. a gente escuta (é) nosso coração.

não me lembro qual marco, sábio imperador romano, sugeriu o seguinte: que valia a pena, no agir, sempre imaginar que um cara muito foda, admirável do pé à cabeça, estivesse nos observando. próxima vez que a boquinha tender a ficar pequena, que tal lembrar desses caras aí em cima?

4 comentários:

huds on disse...

tem gente corajosa nesse mundo, c precisa ver, com coragem de ler os trem e fingir que esquece. mas não dá pra esquecer que pra cima e pra baixo só existe na nossa percepção embaçada - na verdade tá todo mundo flutuando no vazio.

Cidadão Kane disse...

Foda é que a fofoca tem mais poder que a verdade. Cientificamente comprovado:
http://br.noticias.yahoo.com/s/afp/071016/saude/eua_ci__ncia_boatos

sõnia abrãao disse...

eu gosto de saber quem tá comendo quem, mesmo que seja mentira

Anônimo disse...

Hello, as you can see this is my first post here.
I will be glad to receive any help at the start.
Thanks and good luck everyone! ;)